Friday, February 29, 2008

Lisbon Queen of Blues in Moscow!!!!

Photo of an amazing performance by Dulce Pontes after the Cerimony of Signature of the Treaty of Lisbon on the 13th December 2007 (photo credit unknown). She will act tomorrow in Moscow, at the International House of Music. In Russia, where she is considered to be Lisbon's Queen of the Blues, her name is pronnounced like in Italy (Dultche), meaning Sweet. I met her once at a Jazz Concert, we were wearing an identical overcoat which was supposed to be an exclusive... how we laughed about it!... She is an amazing singer and a very nice person too!

Moscovo, 29 Fev (Lusa) - Dulce Pontes, que a imprensa musical russa apresenta como "Voz de Portugal", actuará sábado em Moscovo, numa das mais modernas salas de concerto da cidade, a Casa Internacional da Música. A cantora portuguesa, cujo nome em russo é pronunciado à maneira italiana (Dultche), é apresentada no sítio electrónico da Casa Internacional da Música, como "a diva portuguesa da romança urbana: fado". (Continua em comentário a este post).

3 comments:

Sailor Girl said...

(Cont.)

O canal televisivo Kultura chama-lhe a "rainha dos blues de Lisboa". "Não se pode considerar verdadeiramente folclore um fenómeno musical português como o fado, porque as canções têm autor, mas pode ser considerado parte inseparável do património nacional de Portugal, tal como Vasco da Gama", escreve a revista musical "Jazz-Kvadrat". "Imaginem a romança mais sentimental russa interpretada, simultaneamente, com uma paixão extrema e uma meiguice mágica, numa das línguas mais bonitas, o português, acompanhada pela guitarra portuguesa em forma de coração, que chora", acrescenta. O concerto de Dulce Pontes faz parte da série "Stars World Music", que tem decorrido com grande êxito na capital russa. A intérprete lusa irá actuar na Sala Svetlanovski, uma das três salas da Casa Internacional da Música. Baptizada com o nome de um dos maiores maestros clássicos russos, Evgueni Svetlanov, a sala tem capacidade para 1.734 espectadores. Os preços dos bilhetes variam entre os 1.300 rublos (cerca de 40 euros) e os 3.200 (cerca de 100 euros). A Casa Internacional da Música, um enorme e esbelto edifício de metal e vidro, foi construída numa das margens do rio Moscovo em 2002. Na inauguração, Vladimir Putin, Presidente da Rússia, declarou: "trata-se de um acontecimento não só na vida cultural de Moscovo, mas de toda a Rússia". O dirigente russo comparou o edifício a "uma bela taça de cristal".

Dulce Pontes não é a primeira portuguesa a actuar na Casa Internacional da Música de Moscovo. Em 11 e 12 de Dezembro de 2004, a fadista Mariza deu dois concertos na Sala Svetlanovski, tendo esgotado a lotação. O fado português não é muito conhecido na Rússia, mas os amantes deste género de música podem encontrar CD's de Amália Rodrigues, Carlos do Carmo, Mariza e de fados de Coimbra, não só nas lojas da especialidade, mas também no Gorbuchka de Moscovo, o maior mercado de pirataria informática da capital russa...

António Correia said...

Adorei a viagem que fiz à Rússia em 2006,lindo...mas um pouco "nostalgica".

A cultura Russa é linda.

Visitem a Rússia, vale a pena.

Gordon said...

What a great way to meet the star - wear the same 'exclusive' clothing! I just did a Google search and found some of Dulce Pontes' performances on You Tube - she does have a lovely voice.